quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

O destino é uma rajada forte (7ª parte)


João naquela manha acordou bem cedo, tomou um banho, vestiu-se e deixou uma flor e um bilhete na mesinha de cabeceira de Lara que dizia" Fui á cidade buscar pão, não tarda estou de volta. Um beijo, Amo-te."
Lara acordou a sorrir como seria de esperar depois, da noite que tinha passado com o seu mais-que-tudo. O dia parecia perfeito, o cantar dos passarinhos encaixava perfeitamente na boa disposição que ela sentia naquela manha.
Foi então que se lembrou que aquele era o dia. Ficou apática sem reacção e o seu sorriso desapareceu. A preocupação instalou-se e a ansiedade nunca mais ganhou fim.
Mesmo assim levantou-se, ganhou forças pois sabia que não tardava a que João voltasse e não queria que ele a visse assim.
Mais tarde João chega e repara que Lara já está acordada escondendo o ramo que trás atrás das costas.

João: Bom Dia minha princesa, já estás acordada.Estragaste-me os planos. (mostra-lhe o ramo.)
Lara: (absolutamente enternecida e estendendo as mãos para segurar o ramo. Dá-lhe um beijo) Não era preciso meu amor. Tu habituas me muito mal.
João: Não digas asneiras. (Coloca-lhe as mãos á cintura) Ontem foi tudo perfeito e a propósito esta noite falas-te.
Lara: Asério? (Ri-se) Vai-te habituando.
João: Já estou habituado, mas normalmente costumas falar de mim. (pisca o olho e sorri) e esta noite  falas-te em Londres. (Ri-se) Por momentos pensei que preferias estar na big city do que aqui, comigo.

Lara fica séria sem reacção, percebeu que tinha chegado o momento. João estava ali á sua frente. O homem da sua vida a pessoa que mais amava e que mais a fez feliz estava naquele momento á sua frente, e as palavras não lhe surgiam. Naquele momento o medo estava a falar mais alto. O medo de o perder, de ele não aguentar a notícia que ela tinha para lhe dar. Tinha receio de que esta fosse a ultima conversa, o ultimo ramo, o ultimo beijo e acima de tudo o ultimo momento. Lara amava-o muito mas seria ela capaz de deitar tudo a perder pelo grande amor da sua vida? E seria também ela capaz de aceitar que ele abdicasse de tudo por um sonho que não é o dele?
E João? Seria João capaz de largar tudo para ir atrás da mulher da sua vida?

16 comentários:

  1. pois, e qnd se gosta mesmo ainda dói mais -.-'

    ResponderEliminar
  2. A cabecinha da Lara deve ta tao confusa :s

    ResponderEliminar
  3. tenho a certeza que agora não lhe consegues perdoar :s

    ResponderEliminar
  4. Oh querida *) que doce.

    Afinal o meu palpite estava certo, ela sempre se vai embora :s

    ResponderEliminar
  5. Ela vai ter de ir pra Londres?? aiii :o

    ResponderEliminar
  6. Belo blog, belo post!!!

    PArabens muito bom...

    Convidaria vc a conhecer meu... Ficaria muito feliz! http://mailsonfurtado.com

    ResponderEliminar
  7. estou a adorar a história, meu amor *-* ains

    ResponderEliminar
  8. é a saudade que me mata :$
    aii estive agora a ler a história toda, e estou super curiosa para saber como é que ele vai reagir :o *.*

    ResponderEliminar
  9. Por exemplo, agora já sei que tem haver com Londres, mas ela podia, sei lá ter beijado outro rapaz, podia ter descoberto alguma coisa sobre o seu passado...
    tantas coisas!

    ResponderEliminar