terça-feira, 21 de junho de 2011

O destino é uma rajada forte (42ª parte)

André aproxima-se da mãe de Leonor que o abraça e chora ofegante.


André: Vão ter que ter muita força, mas pensem que onde quer que ela esteja está a olhar por nós e a ultima coisa que ela quer é ver-nos mal.
Mãe da Leonor: Mas doí tanto, a minha menina....a minha menina André!
André: Estou e estarei sempre disponível para vocês, seja para o que for, a que horas for.... se precisarem de mim não exitem por favor!
Mãe de Leonor: (dá lhe um beijo na testa) obrigada meu querido,por tudo e principalmente por teres feito a minha filha tão  feliz!


André ao ouvir aquilo voltou a ter as lágrimas á porta, mas a única coisa em que pensava era "não chores aqui, aqui não, por favor aguenta" Dá um beijo á mãe da Leonor e um grande abraço ao pai dela. Vira costas e mal sai da porta do hospital e encontra João começa a chorar. João vai ao seu encontro e abraça-o. 


João: Chora amigo, deita tudo cá para fora!


Lara achou que aquele era um momento só deles, não quis interferir, então decidiu ir buscar o carro.


João: Nós estamos aqui para tudo o que tu precisares, TUDO.
André: Eu neste momento apenas quero ir para casa.
João: Então é exactamente isso que vamos fazer.


E seguem em direcção a Lara que já estava no carro á espera deles.

19 comentários:

  1. Já tinha saudades de "O Destino é um Rajada Forte" gostava de poder também abraçar o André, e dizer-lhe que tudo ficará bem, (:
    Obrigada por perguntares pelos exames, o de Português foi +/-, a setora disse que foi mesmo dificil, por isso ... Amanhã é o de matemática -.- Beijinhos e continua a escrever , escreves mesmo bem :'b

    ResponderEliminar
  2. A história está Brilhante, e cada vez mais cativante.
    São tantas emoções.
    Excelente trabalho.
    Continua :)

    ResponderEliminar
  3. a Leonor não devia morrer ;s coitadinha/os ;x

    ResponderEliminar
  4. tens no blog um tag giro para fazeres xb (http://the-reason-to-love.blogspot.com/2011/06/tag.html)
    beijinhos*

    ResponderEliminar
  5. obrigada linda :)
    sempre que leio um pouco desta história, mexe comigo. fico à beira de chorar porque imagino se isto me acontecesse a mim :s

    ResponderEliminar
  6. é meu primo :'( [Dii*]

    ResponderEliminar
  7. Estava triste porque eu e Ele estavamos mesmo chateados :'S
    Mas já passou princesa, obrigado pela preocupação *.*

    Estou ansiosa pela continuação da história :')

    Gosto de ti <3

    ResponderEliminar
  8. Cada vez mais adoro esta história minha querida ;)

    ResponderEliminar
  9. Joana Gomes não consigo aceder ao teu blogue, mas muito obrigada querida :)

    ResponderEliminar
  10. nao percebo porque nao consegues aceder ao meu blog , vou ver o que se passa e logo te digo alguma coisa (:

    e de nada *.*

    ResponderEliminar
  11. acho que já conseguirás aceder ao meu blog , se conseguires diz-me alguma coisa (:

    ResponderEliminar
  12. senti-me emocionada ao ler **
    a história está fantástica, continua porque tens muito jeito querida :')

    ResponderEliminar